MESBLA FORTALEZA

MESBLA FORTALEZA
Nosso endereço Rua General Sampaio Nº 1065 Centro, Fone: 231 2000

MESBLA FORTALEZA

MESBLA FORTALEZA
Filial de Fortaleza localizada na Rua General Sampaio nº 1065, FOTO GENTILMENTE CEDIDA PELO PROFESSOR , FOTOGRAFO E HISTORIADOR DE FORTALEZA MIGUEL NIREZ.

MESBLA FORTALEZA

MESBLA FORTALEZA
FOTO GENTILMENTE CEDIDA PELO PROFESSOR NIREZ.

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Mesbla cancela operação comércio eletrônico!

A operação de comércio eletrônico que estava sendo montada sob a marca Mesbla foi interrompida. Ícone das lojas e departamentos nos anos 1980, a empresa renasceria como loja virtual de moda feminina. A operação foi possível porque a marca Mesbla não entrou no processo de falência da companhia e ainda permanece nas mãos do empresário Ricardo Mansur. O retorno estava sendo articulado por sócios de Mansur responsáveis pela empresa Telemercantil, dona da Mesbla.

Ela contratou a agência de publicidade J3P, de São Paulo, para montar a operação. O negócio foi por água abaixo por conta de desentendimento
entre os parceiros, já que o potencial de lucros superou as expectativas iniciais do projeto.

Segundo Giuliano Pereira, sócio da J3P, ficou acertado que a agência arrendaria a marca e investiria recursos próprios para montar o site de comércio virtual. Mansur levaria royalties pela cessão do nome Mesbla.

A situação mudou de figura depois que um site piloto, aberto em janeiro deste ano, acumulou mais de 7 milhões de cadastros únicos de potenciais clientes. Segundo Giuliano, a Telemercantil reivindicou sociedade na operação, o que não estava nos planos da sua empresa. Pércio Diogo, sócio da Telemercantil, diz que deve retomar o projeto no ano que vem a partir da parceria com novos interessados em montar um joint-venture para tocar o canal de e-commerce da Mesbla.

Fonte: Brasil Econômico

2 comentários:

Roger disse...

eu tenho uma camiseta até hoje da marca alternativa que comprei na mesbla antes de fechar

Anônimo disse...

como fica a situaçãodos funcionários da Mesbla de Vitória-ES que até hoje não receberam